quarta-feira, 22 de Dezembro de 2010

É PRECISO SABER PODAR AS ÁRVORES


Fomos alertados por um conjunto de cidadãos residentes no Bairro Pinhal da Vila para a inadequada maneira como a Câmara Municipal procedeu à poda desta árvore, que se situa na Rua Padre Cruz em Salvaterra de Magos.
Esta situação não é inédita na freguesia onde já em outras situações as reclamações nos chegaram, embora não tenhamos feito eco delas na altura.
Parece-nos pelo exposto que existirá alguma impreparação para efectuar esta tarefa, pelo que a autarquia devia proporcionar aos seus funcionários formação profissional nesta e noutras áreas da sua actividade. Fica o reparo.

2 comentários:

  1. ,...já a camara também assinou o Protocolo assinado entre as águas do ribatejo e a quercus... pelo menos podia pedir ajuda e dar formação a quem faz um...no minimo é crime ambiental...

    ResponderEliminar
  2. Relativamente a podas, segundo o Eng. António Fabião:
    "(...) melhor será respeitar as formas naturais das árvores, intervindo de início apenas para eliminar bifurcações do eixo principal e pernadas que estejam a ficar muito grandes ou muito próximas da vertical (...) (as pernadas grandes e levantadas podem ser esteticamente inconvenientes e vir a ocasionar problemas de estabilidade e segurança). Mais tarde, a poda serve para «desafogar» a copa, isto é, eliminar parcialmente ramos que estejam a crescer demasiado próximos e densos, ou a tomar direcções inconvenientes (ramos que crescem de cima para baixo, ou da periferia para o interior da copa, ficando totalmente à sombra). Pode também ser utilizada para orientar as expansão da copa de forma a não entrar em conflito com as de outras árvores ou com estruturas urbanas existentes nas proximidades, procedendo-se, então, de forma a respeitar critérios técnicos adequados às espécies e à situação concreta, e não de forma massiva e indiscriminada."

    Fica a pequena e curta informação/formação aos nossos "jardineiros"

    Engenheiro Anónimo

    ResponderEliminar